Ir para conteúdo

Estudos e o apagão.


Celiane Brasil

396 visualizações

 Share

Oi pessoal! Sou do Amapá, e como alguns podem ter visto nas notícias, estamos passando por um apagão. O apagão é uma das situações mais extremas que uma sociedade contemporânea pode experimentar, pois afeta o indivíduo nos mais diversos aspectos, tais como financeiro, psicológico, familiar, ao mesmo tempo em que desafia nossa ideia de conforto e a própria noção de sobrevivência. Nesse contexto, venho refletindo sobre nosso país, sobre a natureza humana e compreendendo cada vez mais a importância i) dos estudos e ii) da construção de uma mente forte e calma, que coincidentemente são os dois pilares que o professor Diogo sempre prega em seus vídeos. É interessante que quando começamos a estudar para concursos ouvimos muito falar em paciência, resiliência e disciplina. Essas são características na verdade basilares para um ambiente mental saudável, na minha opinião. Tais características vem a calhar não só na hora dos estudos, mas nas situações limites que invariavelmente todos iremos passar ao longo da nossa vida. Além disso, quem consegue manter uma mente centrada, chega a melhores soluções para os problemas,  sendo capaz de encontrar soluções inovadoras e de ajudar outras pessoas através da sua engenhosidade. Hoje, no oitavo dia de apagão, tenho visto já muitas pessoas "quebrando" psicologicamente com as injustiças e desigualdades que tristemente caracterizam a convivência humana, principalmente no nosso país. Aí tem a questão do dinheiro. Ter dinheiro tem sido, durante o apagão, a diferença entre passar por um situação ruim e passar pela pior situação da tua vida. Mas já sabemos disso, quem tem condições financeiras sempre se dá melhor. Porém só passando por uma situação extrema pra entender a extensão dessa realidade. Pra mim, e pra todos que não somos herdeiros, só existe uma opção para ascender economicamente, que é estudar. Tenho conseguido estudar, na medida do possível, porque temos racionamento de energia de 6 em 6h. Tento ao máximo ignorar o terrível calor (aqui o clima é equatorial. é extremamente quente) e a escuridão, pois, não sei como, a minha casa parece que virou locação de filme de terror rsrsrs. Quanto mais agonia, mais motivação eu sinto pra estudar e mudar pra um estado melhor rsrsrsrs. O apagão parcial vai durar o mês inteiro, segundo o Ministério de Minas e Energia (espero que não mais do que isso). No entanto, as profundas impressões negativas de todos que passaram por essa experiência vai durar pra sempre e as lições e o aprendizado são o que de mais valioso podemos tirar dessa adversidade. 

  • Curtir 8
 Share

4 Comentários


Comentários Recomendados

Vinícius Renato

Postado

Que barra, viu ? Que barra... eu não sei o que eu faria. 

Parabéns por se empenhar ainda em meio a tantas dificuldades! Siga firme, na medida do possível! 

  • Curtir 2
Link para o comentário

Força, Celiane! 

Eu também não sei o que faria. 

Parabéns por toda dedicação. Você será recompensada!! 

  • Curtir 1
Link para o comentário
Breno Pascoal

Postado

Construção de uma mente forte e calma está sendo/foi essencial esse ano, ainda mais agora para os amapaenses com a falta de algo tão básico que é energia elétrica. Parabéns pela resiliência de continuar estudando mesmo nessa condição, também não sei se conseguiria. Espero que essa situação se resolva logo.

  • Curtir 1
Link para o comentário
Karla da Silva

Postado

Olá, Celiane! Somente hoje vi sua postagem. Como você está?Fiquei muito triste com o que, mas também admirada   com sua força. Rogo para que esteja tudo bem e que  logo tanto esforço seja recompensado

Link para o comentário
Visitante
Adicionar um comentário...

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...